As Sandálias do Evangelho

Tira as sandálias! Calça as sandálias!
Santidade e guerra: Quando ambas caminham para um propósito.


"Prosseguiu Deus: Não te chegues para cá; tira as sandálias dos pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa." Êxodo 3: 5.

Esta palavra de ordem dada por Deus à Moisés teve um impacto em sua vida que o tornou mais capaz para enfrentar as batalhas que ainda viriam.
Ali foi o preparo, a busca da Santificação para que sua vida tivesse um real significado!
A poeira do pecado daquela nação não podereia contaminar o Sagrado!
Foi a luta contra a carne e a busca pela santidade!

"E calçando os pés com a preparação do evangelho da paz..." Efésios 6: 15. 

Eis aí o objetivo da Santidade: o preparo para a guerra!
Os pés, nossa base, precisam estar firmados e fundamentados em um evangelho genuíno, puro (sem poeiras) para que o seu propósito se conclua.
Quando vamos para a guerra, a fundamentação é de extrema importância!
Não podemos vagar em pensamentos ou ideais que fujam da Verdade di…

Anúncio

Tempestades não duram Para Sempre

"Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos." Jó 14:7



Podemos passar um bom tempo observando um temporal. A chuva descer com intensidade das escuras nuvens, o vento balançar todas as árvores, ver o cair das folhas e, algumas vezes, o cair dos galhos. Muitas vezes esses fenômenos nos trazem coisas trágicas, mas também trazem momentos reflexivos para os bons observadores.

Em alguns momentos da nossa vida passamos por situações semelhantes a essas – mágoas, brigas, tristeza - e esquecemos que, assim como a tempestade, tudo isso vai passar. Esquecemos que temos um Deus que tudo suporta, tudo pode e tudo vê. Ele cuida de mim. Ele cuida de você. Ele cuida de nós. Ele nos permite passar por algumas situações para que, assim como Jó, possamos confiar mais e continuar acreditando que ele vive, reina e tudo governa.

É na tempestade que provamos a nossa fé. É na tempestade que devemos amar mais a Deus. É na tempestade que podemos tirar boas lições. E é no fim da tempestade que podemos ver que valeu a pena, porque ela não traz somente coisas ruins - que podem não ser tão ruins assim como pensamos -, mas também acaba com a seca – a parte boa que não costumamos observar. A tempestade rega os galhos secos, que se tornam lindas árvores e no final dão bons frutos.

Tempestades não duram para sempre, por isso cada etapa dela deve ser vivida com a maior atenção e fé, para que, no fim, possamos ser galhos secos regados, que se tornarão lindas árvores com ótimos frutos.

Giovane Amaro.

Instagram: giovane.amaro

Esse é o primeiro texto em parceria, iniciando com Giovane Amaro meu amigo de longas datas e um grande exemplo para muitos jovens. Agradeço muito Deus por sua vida!

Acompanhem as próximas parceirias  que virão!

Graça e paz em Cristo Jesus!
Mario Henriques.

Contato: mariodalelena@gmail.com
Canal no YouTube: https://youtu.be/1lIQQFU-7ko
Twitter: @mariodalelena
Instagram: mariodalelena

Comentários