Oração e Súplica

"Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos". Efésios 6:18.


A oração é uma arma extremamente poderosa se for bem usada, especialmente quando acompanhada de súplica. Quando eu era criança gostava de games de corrida, mas especialmente aqueles onde os carros podiam acrescentar acessórios a medida que conquistava pontos, um desses acessórios era o "Turbo" que quando acionado fazia com que aumentasse exponencialmente sua velocidade, assim as chances de vencer a corrida eram maiores, mas tínhamos que saber usar senão o carro seguiria desgovernado e de nada adiantaria o "Turbo".

Quando o apóstolo Paulo escreve aos Efésios sobre a "armadura de Deus", orienta a orar com súplicas, isso significa dizer para usar o "Turbo". A súplica é o mesmo que clamar, ou seja, orar com fervor e muita intensidade colocando o coração diante do Senhor bem mais que as palavr…

Para frente! Acerte!

"Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,
PROSSIGO PARA O ALVO, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus." Filipenses 3:13-14



Dizem por aí que, o "mar do esquecimento" é um lugar onde há mais pescadores do que em qualquer outro mar! Pessoas que deveriam deixar para trás coisas que já fazem parte do seu passado, e que foram lançadas em profundo esquecimento, sendo substituídas por novas coisas, estão "desenterrando defuntos", trazendo de volta a vida toda a carga negativa desse passado sombrio. 

O texto de Filipenses 3:13-14 nos lembra que a nossa busca pela excelência deve ser uma prática constante, mas para isso será necessário seguir adiante em uma caminhada firme e sem pausas para lamentações. Não devemos permitir que o passado que nos serve por testemunho se transforme em um fardo ou em uma ferida que jamais cicatriza. 

Paulo era uma pessoa com vários fatos negativos em seu passado, entretanto não se permitiu parar de seguir em direção ao propósito que havia sido determinado por Deus na sua vida. Ele nos mostra com sua postura que ser constante, como uma flecha que segue em direção ao alvo, é o que realmente importa e o que nos leva para um resultado positivo e abençoador em nossas vidas.

É fato que jamais alcançaremos a perfeição tão buscada por Paulo, mas também é verdade que só alcançaremos maturidade cristã quando formos obstinados pela busca diária do caráter de Cristo Jesus em nossas vidas.

Somos uma casa em construção, e cada alicerce, tijolo, cimento e todas as outras coisas que são necessárias devem ser considerados como importantes, para que com fé e determinação em não parar de caminhar, possamos alcançar o maior prêmio, que é a salvação.

Somos melhores quando reconhecemos todos os dias que ainda temos muito a melhorar.

Graça e paz! Siga adiante!



Mario Henriques. 

Contato: mariodalelena@gmail.com - henriquesmario2803@gmail.com
Canal no You Tube: https://youtu.be/1IIQQFU-ko
Twitter: @mariodalelena
Instagram: @mariodalelena

Comentários