As Sandálias do Evangelho

Tira as sandálias! Calça as sandálias!
Santidade e guerra: Quando ambas caminham para um propósito.


"Prosseguiu Deus: Não te chegues para cá; tira as sandálias dos pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa." Êxodo 3: 5.

Esta palavra de ordem dada por Deus à Moisés teve um impacto em sua vida que o tornou mais capaz para enfrentar as batalhas que ainda viriam.
Ali foi o preparo, a busca da Santificação para que sua vida tivesse um real significado!
A poeira do pecado daquela nação não podereia contaminar o Sagrado!
Foi a luta contra a carne e a busca pela santidade!

"E calçando os pés com a preparação do evangelho da paz..." Efésios 6: 15. 

Eis aí o objetivo da Santidade: o preparo para a guerra!
Os pés, nossa base, precisam estar firmados e fundamentados em um evangelho genuíno, puro (sem poeiras) para que o seu propósito se conclua.
Quando vamos para a guerra, a fundamentação é de extrema importância!
Não podemos vagar em pensamentos ou ideais que fujam da Verdade di…

Anúncio

"Eu," inimigo meu

"Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço." 
Romanos 7:15

Durante muitos anos nós temos aprendido acerca de nosso maior inimigo,  e fazemos a pergunta: Quem é o nosso maior inimigo? Com muita facilidade a resposta vem: O diabo, inimigo de nossas almas! Mas se observarmos com um pouco mais de atenção a palavra de Deus vamos descobrir que nosso maior inimigo é alguém que não esperávamos, um ser inusitado, pensávamos que já o conhecia muito bem, mas ele está sempre nos desafiando, ele está mais próximo de nós do que imaginamos, ou seja, nós mesmos, somos sim nossos maiores inimigos, escravos do nosso ego, presos aos nossos desejos carnais, ambiciosos, caindo em armadilhas que na maioria das vezes nós mesmos é que preparamos com nossa falsa ingenuidade, quando digo falsa é porque sabemos que se fizermos certas coisas ou dermos condições a certas situações, vai acabar dando errado mas mesmo assim fazemos, com aquela famosa e velha desculpa: "Isso não tem nada a ver."


Quando o apóstolo Paulo afirma "mas o que aborreço isso sim faço" ele está querendo dizer "Não quero fazer o que é errado, mas acabo fazendo." Quantas vezes nos deparamos com situações em nosso dia a dia em que acabamos deixando o nosso instinto carnal falar mais alto que a voz do Espírito Santo, simplesmente porque nosso corpo está propenso a pecar, apesar de entregarmos nossas vidas a Jesus, Ele não nos faz como suas "marionetes" mas nos orienta o tempo todo a fazer escolhas certas, nós é que escolhemos o errado.



"Miserável homem que sou! Quem me livrará do corpo desta morte?" Romanos 7:24 
Essas foram as declarações de Paulo, que não se achava "muto bom" só porque era apóstolo de Jesus. Alguns teólogos afirmam que o versículo acima refere-se a uma comparação com um costume romano de amarrar um cadáver aos criminosos como forma de castigo, então presumimos que ele queria dizer: "Quem me livrará de mim mesmo que estou cheio de pecados amarrados ao meu corpo?" Poxa! Então não tem saída! Se sou meu maior inimigo, quem então me livrará? 




Realmente não é uma tarefa fácil, mas você é o único responsável por suas escolhas, e em nenhum momento Jesus disse que seria fácil, pelo contrário Ele disse: 

"No mundo tereis aflições mas tende bom ânimo porque eu venci o mundo (João 16.33)," 


Para que não acreditemos nesse "evangelho de facilidades" e "só bênçãos," "Para que não sejamos meninos inconstantes levados em roda por todo vento de doutrinas." Efésios 4:14.
Somente pelo Espírito Santo somos capazes de vencer não só o inimigo de nossas almas mas também aos nossos próprios desejos. 



De que jeito? 


1- Reconhecendo que somos pecadores e erramos o tempo todo (Rom. 3:23).

2- Sendo humildes e não soberbos, somente porque temos um certo estudo ou ocupamos certas posições. (Ezequiel 21:26).
3- Colocando diante do Senhor nossas fraquezas, dizendo o nome de cada uma delas (II Coríntios 2:9).
4- Não dando condições ao pecado (Gálatas 6:7). 
5- Vivendo em espírito (Gálatas 5:25).


Eu poderia fazer uma lista bem grande, porém o mais importante é que Jesus esteja realmente no controle da sua vida e que você não o queira apenas para te abençoar e te dar presentes mas para te corrigir e te levar a uma vida de plena graça através do arrependimento sincero.
Não há pecados que O Senhor não possa perdoar! Jesus te ama! 
"Veio porém a lei para que a ofensa abundasse; mas onde abundou o pecado, superabundou a graça." Romanos 5:20



Graça e paz! Vença seu maior inimigo!


Mario Henriques.

*Colaboração com a imagem: Erick Mattos (Meu sobrinho)


Contato: henriquesmario2803@gmail.com / mariodalelena@gmail.com

Canal no YouTube: https://youtu.be/1lIQQFU-7ko
Twitter: @mariodalelena
Instagran: @mariodalelena



  

Comentários

  1. É SEMPRE NECESSÁRIO ESTARMOS NA VONTADE DE DEUS E NOS DEIXAR SER GUIADOS PELO EU ESPÍRITO...

    "NÃO ME ESCOLHESTES VÓS A MIM, MAS EU VOS ESCOLHI A VÓS".

    BENÇÃOS DO SENHOR P/ VC!!
    http://intercessaoeoracao.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

"Que sejam agradáveis as palavras da minha boca..." Sal.19.14